fgts inativo sacar

FGTS inativo sacar: Como e por que sacar o FGTS inativo
Introdu??o

O Fondos de Garantía de Tiempo de Servicio (FGTS), também conhecido como Fundo de Garantia por Tempo de Servi?o no Brasil, é um benefício importante para os trabalhadores. Uma das possibilidades que o FGTS oferece é o saque do valor inativo, ou seja, aqueles fundos depositados em contas antigas que já n?o est?o mais em uso. Neste artigo, discutiremos como e por que sacar o FGTS inativo e como isso pode beneficiar os trabalhadores.

O que é o FGTS?

O FGTS é um fundo constituído pelos depósitos mensais feitos pelos empregadores em nome de seus empregados no Brasil. Esse valor é equivalente a 8% do salário dos funcionários e tem o objetivo de garantir uma reserva financeira para os trabalhadores em caso de demiss?o sem justa causa, desastres naturais, doen?as graves, aposentadoria ou outros fatores imprevistos.

O saque do FGTS inativo

Os valores depositados nas contas do FGTS ficam disponíveis para saque quando ocorrem situa??es específicas, como a rescis?o do contrato de trabalho. No entanto, muitos trabalhadores possuem contas inativas, ou seja, contas que n?o est?o mais recebendo depósitos e que foram deixadas para trás em empregos anteriores. Até recentemente, o FGTS inativo n?o podia ser sacado, mas em 2017 o governo brasileiro liberou essa possibilidade para incentivar o consumo e impulsionar a economia nacional.

Por que sacar o FGTS inativo?

Há diversas raz?es pelas quais os trabalhadores devem considerar sacar o FGTS inativo. Em primeiro lugar, o valor depositado em contas inativas pode ser utilizado para pagar dívidas, investir em educa??o, saúde ou até mesmo iniciar um novo negócio. Além disso, a retirada do FGTS inativo pode aliviar a situa??o financeira de muitas famílias, especialmente em momentos de crise econ?mica, como o que estamos vivendo atualmente.

Como sacar o FGTS inativo?

Para sacar o FGTS inativo, é necessário que o trabalhador cumpra alguns requisitos estabelecidos pelo governo brasileiro. Primeiramente, é necessário que a conta do FGTS esteja inativa por pelo menos três anos, ou seja, que n?o receba depósitos há esse tempo. Além disso, é preciso estar desempregado ou ter se afastado do mercado de trabalho por pelo menos 90 dias consecutivos até 31 de dezembro do ano anterior ao saque.

Após verificar se você cumpre essas condi??es, é necessário buscar uma agência da Caixa Econ?mica Federal, banco responsável pelo FGTS no Brasil. Lá, será preciso apresentar documentos que comprovem a sua identidade, como RG, CPF, Carteira de Trabalho e comprovante de residência. A agência fornecerá todas as informa??es necessárias sobre o processo de saque.

Conclus?o

O saque do FGTS inativo é uma excelente oportunidade para os trabalhadores brasileiros utilizarem esses recursos em benefício próprio. Seja para pagar dívidas, investir em si mesmo ou simplesmente melhorar a situa??o financeira, essa medida se tornou essencial para muitas famílias que necessitam de auxílio durante tempos difíceis. Portanto, é importante que os trabalhadores estejam cientes dos requisitos e procedimentos necessários para fazer o saque do FGTS inativo e aproveitem essa oportunidade.

Swiftray Theme Powered by  WordPress